Crie como se ninguém te conhecesse

Copyright: Unsplash | Olliss
Às vezes, eu desejo que tivesse começado a bloggar anonimamente. Assim, eu não teria que me preocupar em desapontar nenhum dos meus amigos ou ofender minha madrasta com minhas palavras. Talvez eu não me preocuparia com o que minha filha pensará de mim daqui a 10 anos quando ela começar a ler as coisas do papai online. Então, talvez, eu não me preocuparia sobre os grandes saltos que faço no que escrevo, como se importasse...

Mas agora, existe um tanto de mim que está no início e no fim desse post e que mostra – este sou eu. Grande como é, é também um pedaço da minha inibição, não?

Se você lê muito meus textos, você se sente como se me conhecesse. E, como se conhecesse todos, você não quer de verdade ser um tanto diferente amanhã do que sou hoje, se eu te influenciar a esse ponto. Porque isso seria desconfortável. Eu posso mudar o panorama em você e coisas começam a ser assustadoras quando isso acontece.

Se você esteve escrevendo online por um tempo, você provavelmente se sentiu com esse sentimento de constrição criativa. Talvez pessoas tem te visto como o galã que escreve sobre design de interior – você é o design interior – mas, por qualquer razão, você que começar a escrever imbecilidades (Divana: não se ofenda, please).

É uma mudança difícil. Talvez arruíne a sua reputação que tem meticulosamente construído com sua audiência. Talvez eles te odeiem por isso. Talvez eles deixem de te seguir, subscrevam-se da sua lista de e-mail, parem de te contratar, e te deixem faminto na rua.

Ou, talvez você possa fazer isso. Talvez você deva ignorar essa linha debaixo do seu post e ir na direção da criatividade que têm ignorado. Talvez seus leitores vão gostar disso. Talvez eles estão ficando entediados de tanto ler sobre design de interiores... De novo.
Talvez você deva criar como se ninguém te conhecesse.
Sei que parece um tanto seguro esperar por alguém para te dar o “vá em frente” e fazer a mudança, mas talvez você deva apenas seguir seu pressentimento e ser independente.


É segura, essa mudança? Não. Mas quais escolhas assim funcionam?

~~~~~~~*~~~~~~~

Créditos: © 2017 Higher ThoughtsOriginal: Create like no one knows your name by Jonas Ellison - Publicado em 16 de Março de 2016. Tradução: Divana Barbosa © 2017 Anavid. Todos os direitos reservados.
Você pode reproduzir este material em qualquer formato desde que informe o autor e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.


~~~~~~~*~~~~~~~

Oi gente linda!!! Eu gostei muito desse texto e ele me fez pensar nas outras coisas que eu gosto também e que eu ainda não coloquei aqui... Então, pensei, por que não?

Eu sou assim, do jeitinho que veem nos textos mesmo, mas também gosto de outras coisas que podem parecer que não combinam entre si, mas faz parte de mim de uma maneira, bem, muito legal, hahaha.

Abraços e fiquem com Deus! <3

Postagens mais visitadas