Ser Cristão: Existe uma igreja certa?

Imagem: Jeremiah Higgins | Unsplash

Oi gentem! Tem mais um post e dessa vez vamos falar da igreja. Assunto um tanto polêmico, não é? Não?! Pra minha pessoa sim.

O que normalmente ouvimos tanto falar? “Que x igreja tem fiéis, mas o dízimo não vai para a melhoria do local, mas para melhorar a vida do pastor” (que vou falar aqui também), “que as campanhas que exigem dinheiro são uma farsa, que tudo é uma '‘robalheira’'”, “que não se pode confiar em mais ninguém, muito menos na igreja porque é pior ainda” ~discurso do meu pai, infelizmente, e ele não está inteiramente errado – infelizmente de novo~.

Não vou defender ninguém. Vou dizer que existe tudo isso sim e que é muito, mas muito triste e está se tornando comum. É triste também que igrejas que pregam O Evangelho peguem a “fama” das dessas igrejas e que isso tudo modifique tanto o cenário atual da religião.

A primeira coisa que quero te dizer é que não existe igreja perfeita, mas existe aquela igreja que você se sente bem, que fala a sua língua, que não te deixa fazer tudo o que você quer porque isso literalmente não deve acontecer (se acontecer cai fora), e onde você é muito bem-vindo, até te adotariam se pudessem.

A segunda é que a igreja é formada de pessoas, de membros, cada um tem um modo de agir, de dizer, de viver, e que eles não devem ser tomados como exemplos para você, não inteiramente e com muita presunção, porque Jesus tem que ser o exemplo a ser seguido. Se você for procurar uma igreja por causa das pessoas, bem, você não vai ficar tanto tempo nela.

A terceira é que o pastor também erra, ele não é O Santo, não mesmo. Essa imagem tem que ser desconstruída rapidinho, porque senão… Nem preciso dizer né. Ele tem seus problemas como qualquer um: em casa, no trabalho, com a família. Ele aconselha os fiéis, as ovelhas, como o bom pastor, e tanta ajudá-las da melhor maneira possível, então vai ser difícil achar uma disponibilidade também, hahaha.

A quarta: tome cuidado com os falsos fiéis, os falsos profetas, aqueles que ditam o evangelho distorcido. Você vai saber disso ao pedir conselhos e ver que algo não está de acordo com o que Jesus disse sobre o agir, o amar, o perdoar, sobre as ações a serem tomadas.

Falsos profetas, aqui vamos nós!

E isso não é difícil de ver porque você NÃO PAGA POR UMA BÊNÇÃO DE DEUS! NADA QUE DEUS DEU PODE SER COMPRADO. Sabe a Graça? Aquele dom IMERECIDO que Deus nos DEU para que vivêssemos a VIDA ETERNA para aqueles que o aceitarem DE TODO O CORAÇÃO? Se você juntar todo o dinheiro do MUNDO não dá pra comprar, não se vende, nem no Mercado Negro. É enganação pura!!!

O dízimo tem que ser dado sim, é estatuto, está escrito em diversos locais, como [colocar todas as passagens que ditam] e as ofertas são dadas livremente. Mas se te pedirem dinheiro para que uma bênção seja dada, foge. Não estamos mais na era das INDULGÊNCIAS. Martinho Luthero nos ajudou a dar um fim nisso muitos anos atrás com a tradução da Bíblia para a língua do povo, porque o latim era para os padres ~falei mesmo, hahaha~.

Então você me diz: conheço uma pessoa que recebeu o que pediu de Deus depois de fazer tudo o que você disse pra eu não fazer (pagar, etc).

Posso te dizer que, no exemplo, ela recebeu a bênção porque Deus permitiu. Ter que pagar por algo que Deus te oferece distorce o que é a fé. A fé é crer sem duvidar, mesmo que você não enxergue nada por alguns instantes. É estranho pensar em pagar por algo que não pode ser dado pelos homens. Quando morrer, você não o leva numa mala ou numa espécie de banco para a nova vida. Além do mais, vivemos em um mundo que tudo o que temos que receber precisam vir de uma ação concreta que nós fizemos, mas com Deus não é assim.
Que você seja sábio, estude as escrituras e que aprenda do sacrifício de Jesus por nós, porque dinheiro nenhum na Terra pode comprar, mesmo se juntar tudo em um só lugar.
Um abração e um quentinho no coração. Nos falamos na próxima.


2 comentários